Rádio Canelinha FM - Informação com credibilidade e responsabilidade.

Sexta-feira, 24 de Maio de 2024
SPEEDNET
SPEEDNET

Notícias Saúde

SC decreta situação de emergência em saúde pública

Com o decreto, o governo pretende realizar reformas e obras em seis hospitais próprios da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

SC decreta situação de emergência em saúde pública
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Na noite desta terça-feira (28), o Governo de Santa Catarina decretou situação de emergência em saúde pública, devido ao aumento na ocupação de leitos, principalmente por dengue e por doenças respiratórias no estado.

Com o decreto, o governo pretende realizar reformas e obras em seis hospitais próprios da Secretaria de Estado da Saúde (SES), localizados na Grande Florianópolis. As unidades têm apresentado sérios problemas estruturais e de manutenção, e também necessidade de ampliação de serviços.

Segundo a SES, com o decreto será possível realizar contratações de serviços para reformas e obras de forma mais ágil. Entre as melhorias, estão previstas adequações das infraestruturas prediais e os sistemas das redes de gases medicinais, assim como restruturação das instalações elétricas, hidrossanitárias e de climatização da Maternidade Carmela Dutra, Hospital Governador Celso Ramos, Hospital Regional de São José, Hospital Infantil Joana de Gusmão, Instituto de Psiquiatria de Santa Catarina e Hospital Santa Teresa. As ações serão implementadas e executadas no prazo de 180 dias.

Publicidade

Leia Também:

A secretária da Saúde Carmen Zanotto reforça a importância de local adequado e em boas condições contribuindo para o cuidado e recuperação do paciente. “Temos excelentes profissionais, isso é um fato. Mas as estruturas físicas de hospitais da Grande Florianópolis precisam acompanhar em qualidade. Nossa maior preocupação é melhorar e dar condições adequadas para atendimento e acolhimento dos nossos pacientes. Nosso foco é restabelecer a plena prestação dos serviços essenciais e a atenção à saúde da população de qualidade”.

Essa ação também vai ao encontro do atual momento sazonal que Santa Catarina está enfrentando. O aumento expressivo de casos de doenças infecciosas virais identificadas como a dengue e as doenças respiratórias que vem refletindo na busca por atendimentos no sistema de saúde do Estado e, consequentemente, alta da ocupação de leitos hospitalares.

Comentários:
unifael
unifael

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )