O portal de notícias da rádio mais ouvida de Canelinha

MENU
Logo
Quinta, 16 de setembro de 2021
Publicidade
Publicidade

Policial

Criança de apenas 11 anos é atingida por disparos de arma de fogo por ex-vereador em Tijucas

O suspeito foi detido e encaminhado a Delegacia de Polícia Civil.

229
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa

Imagens

A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A polícia militar de Tijucas foi acionada por volta das 20h desta quarta-feira (21), para atender uma ocorrência de homicídio tentado por disparo de arma de fogo, na rua Coleira, onde uma ambulância do Corpo de Bombeiros estaria em atendimento a uma criança que teria sido atingida por um tiro. Chegando no local, os policiais avistaram uma guarnição do Corpo de Bombeiros prestando atendimento médico preliminar a vítima, identificada como V. M. R., de apenas 11 anos.

Com a vítima consciente, os policiais questionaram a mesma sobre o que teria acontecido. A vítima informou que estava na companhia de alguns amigos, e tiveram que atravessar a propriedade do Sr. E. C. B., 61 anos, quando este deu um grito e posteriormente fez um disparo de arma de fogo em direção das crianças. Ao ouvirem o disparo, as crianças fugiram e, logo depois, a vítima percebeu que havia sido atingido.

Os policiais solicitaram reforço com outra guarnição e se dirigiram até a residência do possível autor indicada pelas crianças. A residência estava trancada, porém, era possível ouvir o som de um rádio ligado vindo do seu interior. 

Os policiais tentaram verbalizar para que o suspeito abrisse a porta, entretanto,  não foram atendidos. Os policiais então arrombaram a porta dos fundos da residência afim de encontrar o suspeito, tendo em vista o estado de eminente flagrante. Ao entrarem na residência, o suspeito não foi encontrado, tão pouco algo ilícito foi encontrado em um primeiro momento.

Os policiais então deixaram a residência e acabaram por encontrar o possível autor dos disparos na esquina da Rua Amauri Régis com a rua Cel. Conceição. Com ele foi encontrada uma uma faca de serra no bolso da calça e uma bicicleta.

Indagado sobre o fato E.C. B. (61 anos) negou a autoria dos disparos.

Foram qualificadas mais duas crianças de nome A. S. F. e G. da S. T. que afirmaram que E. C. B. foi quem, de fato,  efetuou o disparo de arma de fogo.
A guarnição deslocou-se então até o hospital de Tijucas afim de verificar o estado de saúde da vítima, bem como qualificar a mesma e seu responsável legal, anexando todos os documentos e prontuários médicos nesta ocorrência.

Enquanto uma guarnição estava no hospital prestando o atendimento às vítimas envolvidas, outra viatura deslocou-se novamente até a propriedade do autor, afim de realizar uma melhor buscar no perímetro, contudo não encontrou nada ilícito.

Já no hospital, em conversa com médicos e enfermeiros, os policiais receberam a informação que a lesão na vítima era característica de projétil de arma de fogo e que havia sido registrada na altura do quadril do lado direito com orifício de entrada e saída. O projétil não foi encontrado.

Tendo em vista que a lesão da vítima havia sido superficial, sem afetar quaisquer órgãos vitais, a criança foi liberada no local para seus pais se dirigissem até a delegacia de Polícia Civil da Cidade de Itapema.

A guarnição, após a liberação da vítima no hospital, deslocou-se até o IML da cidade de Balneário Camboriú para realização do exame de corpo de delito  do autor, que posteriormente foi encaminhado até  a delegacia de Polícia Civil para os procedimentos cabíveis.

 

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Envie sua mensagem e faça parte da nossa programação