Rádio Canelinha FM - Informação com credibilidade e responsabilidade.

Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2024
SPEEDNET
SPEEDNET

Notícias Policial

Corpo de mulher é encontrado dentro de mala em Campo Largo

Descoberta macabra desafia autoridades enquanto investigações tentam desvendar mistério de mulher abandonada em mala

Corpo de mulher é encontrado dentro de mala em Campo Largo
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A comunidade de Campo Largo, na Grande Curitiba, encontra-se perplexa com o recente achado de um corpo feminino dentro de uma mala, em um terreno no Jardim Santa Luzia. A Polícia Civil do Paraná está empenhada em resolver o mistério que envolve a morte dessa mulher, cuja identidade e causa da morte continuam desconhecidas.

O macabro achado ocorreu na terça-feira, 15 de agosto, quando um morador, ao tentar consertar uma cerca, se deparou com uma mala de viagem incomum. O odor fétido que emanava do objeto suscitou suspeitas, levando o morador a acionar imediatamente as autoridades de segurança. Tanto a Polícia Militar quanto a Guarda Municipal rapidamente responderam ao chamado, e, ao abrir a mala, se depararam com um cenário que chocou até mesmo os mais experientes policiais: um corpo em avançado estado de decomposição, laçado por detalhes como cabelos presos em laços e pulseiras, desafiando a compreensão.

A vítima, inicialmente pensada ser uma criança, foi posteriormente identificada como uma mulher adulta pelo delegado Ademair Braga, chefe das investigações. Os exames iniciais realizados pelo Instituto Médico Legal revelaram que o corpo possuía características de uma mulher com aproximadamente 30 quilos e 1,10 metro de altura, lançando um véu de mistério ainda mais profundo sobre o caso. Contrariando os primeiros indícios, não foram encontrados sinais de violência aparente, deixando as autoridades sem pistas sobre a causa da morte.

Publicidade

Leia Também:

O enigma se aprofundou quando testemunhas relataram ter visto outra mulher descartando uma mala naquele mesmo local semanas antes. De acordo com relatos colhidos pela RICtv, no dia 29 de julho, um sábado ao entardecer, um homem e uma mulher que residem nas proximidades confrontaram a mulher desconhecida. Ela alegou estar simplesmente descartando lixo e, diante do questionamento, os moradores optaram por não prosseguir com a discussão. Ambos afirmaram às autoridades nunca terem visto a mulher suspeita na região anteriormente.

O mistério que ronda essa descoberta macabra continua a desafiar a Polícia Civil do Paraná, que está dedicada a esclarecer os detalhes perturbadores desse incidente. Até o momento, as investigações se encontram em um ponto crucial, sem pistas sólidas sobre a identidade da vítima, a causa de sua morte e as circunstâncias que a levaram a ser abandonada em uma mala no Jardim Santa Luzia. A comunidade local permanece em alerta e a polícia faz um apelo à população por qualquer informação que possa auxiliar na resolução deste enigma que assola a região.

Comentários:
unifael
unifael

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )