O portal de notícias da rádio mais ouvida de Canelinha

MENU
Logo
Sexta, 01 de julho de 2022
Publicidade
Publicidade

Saúde

Aumento de casos e ocupações em UTI faz governo de Santa Catarina novamente orientar o uso de máscaras contra Covid-19

O aumento de casos de internações por síndromes respiratórias, faz Dive emitir uma nota reforçando pedido sobre o uso de máscaras em Sc

43
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Em Sc Não é mais considerada obrigatória a utilização de máscaras desde março de 2022

Agência Brasília

O Governo do Estado de Santa Catarina divulgou na última sexta(20) um documento orientando novamente o uso de máscaras para residentes do Estado.
O aumento de casos de internações de crianças por síndromes respiratórias e a 
chegada do frio intenso, fez a Dive emitir uma nota reforçando a importância do uso de máscaras
de proteção contra o vírus Covid-19.

As máscaras não são mais obrigatórias em SC desde março de 2022.

Além da orientação para o uso de máscaras, os órgãos orientaram aos 
municípios que aumentem os testes para a população com sintomas gripais, além de 
isolamento e rastreio de contatos em caso de Covid-19.

Segundo o último Boletim Epidemiológico da Vigilância da Influenza, atualizado até 10
de maio, foram confirmados 157 casos com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por
influenza em Santa Catarina, sendo que 28 delas evoluíram agravando o estado, tendo assim óbitos.
Em relação às crianças de 0 a 9 anos foram registrados 36 casos e 2 mortes.

De acordo com o painel de leitos em Santa Catarina, atualizado às 11h desta segunda(23), das 306 vagas neonatal e pediátrico para UTI geral no Estado, 294 estariam ocupadas 
e apenas 12 disponíveis. A taxa de ocupação é de 96,08%.

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Envie sua mensagem e faça parte da nossa programação